software de gestão empresarial

is2 - O valor da informação

------------------------------------------------------------------------------

Telefone: 55 51 85137362

Email: is2@is2.inf.br

Skype: suporteis2 ou suporteis2_02

software de gestão empresarial

is2 - O valor da informação

------------------------------------------------------------------------------

Telefone: 55 51 85137362

Email: is2@is2.inf.br

Skype: suporteis2 ou suporteis2_02

software de gestão empresarial

is2 - O valor da informação

------------------------------------------------------------------------------

Telefone: 55 51 85137362

Email: is2@is2.inf.br

Skype: suporteis2 ou suporteis2_02

Software de Gestão para MEISoftware de Gestão para MEI (Micro Empreendedor Individual)

É evidente que qualquer empresa tem como objetivo o lucro, mas a missão de uma empresa é algo maior, está relacionado com aquilo que a empresa acredita e tem um aspecto de posicionamento social.

A IS2 Sistemas de Informação desenvolve e comercializa softwares de gestão empresarial e analisando seu papel social a empresa lançou o Programa Meu Primeiro Software de Gestão. A ideia deste programa é oportunizar para micro empreendedores invididuais (MEI) a opção de ter um software de gestão para MEI com preço subsidiado pela IS2.

Toda empresa registrada como MEI (Micro Empreendedor Individual) (comprovado pelo cartão CNPJ) poderá adquirir qualquer um dos softwares da IS2 com 80% de desconto no valor da licença até 03 licenças de uso.

Veja a tabela abaixo com os valores dos softwares para MEI:

Software Segmento Valor Normal Valor para MEI
IS2 Automotive / Automotive+

software para autocenter, software oficina de motos, software oficina mecânica, programa para oficina mecânica, software auto peças

R$ 500,00 R$ 100,00
IS2 Construtive

software lojas de materiais de construção, software para ferragens, software para madeireiras, software para lojas de tintas e software para construtoras

R$ 400,00 R$ 80,00
IS2 Store

software para lojas de roupa, software para óticas, software para lojas de calçados, software para comércio

R$ 400,00 R$ 80,00
IS2 Gerent

software gestão estratégica, software gestão da qualidade, software gestão orçamentária, software gestão processos (BPM), software gestão pessoas (RH)

R$ 600,00 R$ 120,00

Importante: este desconto promocional não vale para os módulos verticais.

Funcionalidades dos Softwares de Gestão para MEI da IS2

Importante: as funcionalidades listadas abaixo são de todos os softwares da IS2, podendo algunas serem específica de cada software não sendo disponíveis nos demais softwares.

Cadastros

Os softwares da IS2 disponibilizam uma gama enorme de cadastros para dar a maior flexibilidade possível para o usuário. Além disso, devido ao fato dos nossos softwares serem segmentados para cada tipo de negócio, não colocamos cadastrados desnecessários para a empresa, por exemplo, no cadastro de clientes do software para o setor automotivo temos os veículos do cliente, já para o setor de comércio esta informação não é necessária.

Outra questão importante é que alguns cadastros já são lançados de forma automática na implantação do sistema evitando trabalho do usuário. Alguns exemplos: cadastro de cidades, cadastro de condições de pagamento, cadastro de formas de pagamento, cadastros fiscais, etc.

Gestão de Estoques

Controle de estoque: Com o estoque integrado as entradas e as vendas ficam muito mais fácil controlar o estoque e obter informações necessárias quando necessário. O controle de estoque é por movimento de estoque o que torna o controle mais seguro uma vez que a saída e entrada no estoque só pode ser feita através de movimento de estoque.

Transferência de Estoque entre Filiais: Módulo do sistema para controlar a transferência de produtos entre filiais.

Devoluções e garantia: Com estes recuros é possível gerenciar todo o processo de devoluções e garantia de produtos. Veja o recurso na prática.

Etiquetas Código De Barras: Módulo do sistema para imprimir etiquetas código de barras em vários modelo de etiqueta tanto para impressora normal quanto para térmica (Argox). Veja o recurso na prática.

Gestão de Compras

Necessidade de Compra Automático (NCA): Através de pequenas configurações o sistema gera a Necessidade de Compras Automática, de forma muito eficiência possibilitando ganho de tempo, maior assertividade ao comprar.

Gestão de Vendas

Pedido de Venda: Módulo do sistema para lançamento dos pedidos de venda da empresa.Veja o recurso na prática.

Orçamento e empréstimo de mercadorias: Módulo do sistema para controlar orçamento e empréstimo de mercadorias.Veja o recurso na prática.

Ordem de Serviço: Módulo do sistema para lançamento das ordens de serviço da empresa.Veja o recurso na prática.

Receita Oftalmológica: Módulo do sistema para controlar as receitas oftalmológicas dos clientes.Veja o recurso na prática.

Vale Presente: Módulo do sistema para gerenciar a venda de vale presente.Veja o recurso na prática.

Promoções de Venda: Recurso do sistema para gerenciar produtos e grupos de produtos em promoção pode determinado período.Veja o recurso na prática.

Desconto Geral: Recurso do sistema para facilitar no momento da negociação quando, dependendo da forma e condição de pagamento, a empresa concede descontos diferentes.Veja o recurso na prática.

Faturamento

Nota Fiscal Eletrônica (NFe): Atualmente muitas empresas dever fazer a emissão da NFe, sendo assim o sistema, se qualifica para atender esta necessidade.

Emissão de Cupom Fiscal (ECF): Sistema está apto a se comunicar com vários modelos de impressoras fiscais.

Gestão Financeira

Demonstrativo de Resutado de Exercício (DRE): O DRE é um dos principais relatórios gerenciais de uma empresa, indispensável para o gestor analisar o resultado financeiro da empresa. Veja o recurso na prática.

Fluxo de Caixa: Recurso indispensável para o gerenciamento de qualquer empresa, gerando informações, quando necessária para apóio a decisão.

Controle Caixa Gaveta: Recurso indispensável para o controle de todo dinheiro em espécie que passa pelo caixa da empresa. Permite gerenciamento de múltiplos caixas.Veja o recurso na prática.

Contas a Receber: Controle total do contas a receber da empresa.Veja o recurso na prática.

Contas a Pagar: Controle total do contas a pagar da empresa.Veja o recurso na prática.

Vários relatórios para análise gerencial, como a de Naturezas Financeiras, gerando uma visão real da situação da empresa.

Processos automáticos

Controle de venda no Cartão: O sistema permite gerenciar as vendas do cartão, incluise fazendo as baixas na data prevista do crédito na conta da empresa.

Aviso de aniversariantes: Listas de aniversariantes por mês e dia para relacionamento com o cliente.

Avisos de clientes em atraso: Lista de clientes com contas em atrasos para facilitar as cobranças, incluise com cálculo automático de juros.

Importação xml da nfe de: Rotina para importação do XML da NFe de Compra agilizando evitando erros de digitação no processo de lançamento das notas de entrada, inclusive cadastra automaticamente produtos e fornecedor. Veja o recurso na prática.

Módulo de envio de email: Módulo para envio de email para clientes.

Rotina de Baixa Títulos Contas a Receber Por Valor: Rotina para realizar baixa de títulos do contas a receber de um determinado cliente quando o mesmo paga por valor e não por títulos.

Rede, controle de acesso e outros recursos

Muti-usuário em rede: O sistema permite ser acessado em rede por múltiplos usuários ao mesmo tempo.

Controle de acesso de usuários: O sistema permite gerenciar os usuários que terão acesso ao sistema e suas permissões dentro do sistema.

Construção de consultas SQL: O sistema permite criar consultas de acordo com as necessidades dos clientes sem necessidade de customização do software.

Integração com Microsoft Excel: O sistema permite exportar qualquer consulta do sistema para uma planilha do Microsoft Excel.

Backup: Além de backup automático para o próprio computador, disponibilizamos também backup para hd externo ou pendrive.

 

Saiba mais sobre o MEI

A categoria do Micro Empreendedor Individual foi criada para regularizar e legalizar microempresários e trabalhadores informais, que assim podem ter garantidos benefícios trabalhistas como aposentadoria por idade, auxílio­doença e licença­maternidade. Quem se registra como MEI possui um CNPJ como uma empresa normal e também tem vantagens como maior facilidade em obter crédito em bancos, vender através de comércio eletrônico e contratar um funcionário com registro em carteira.

Para ser um microempreendedor individual, é necessário faturar no máximo até R$ 60.000,00 por ano e não ter participação em outra empresa como sócio ou titular.

A Lei Complementar nº 128, de 19/12/2008, criou condições especiais para que o trabalhador conhecido como informal possa se tornar um MEI legalizado.

Entre as vantagens oferecidas por essa lei está o registro no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ), o que facilita a abertura de conta bancária, o pedido de empréstimos e a emissão de notas fiscais.

Além disso, o MEI será enquadrado no Simples Nacional e ficará isento dos tributos federais (Imposto de Renda, PIS, Cofins, IPI e CSLL). Assim, pagará apenas o valor fixo mensal de R$ 45,00 (comércio ou indústria), R$ 49,00 (prestação de serviços) ou R$ 50,00 (comércio e serviços), que será destinado à Previdência Social e ao ICMS ou ao ISS. Essas quantias serão atualizadas anualmente, de acordo com o salário mínimo.

O processo de formalização do MEI é simples. O registro é gratuito e a formalização é feita pela internet no Portal do Empreendedor (www.portaldoempreendedor.gov.br). O MEI precisa apenas pagar uma única taxa que equivale a 5% do salário mínimo, mais R$ 1 de ICMS ou R$ 5 de ISS, de acordo com a atividade desenvolvida. A contribuição é mensal e deve ser paga até o dia 20 de cada mês.

Atividades permitidas para MEI

Não são todas as atividades comerciais que podem ser praticadas por um Microempreendedor Individual. É preciso consultar a lista de atividades no Portal do Empreendedor. Isso deve ser feito antes mesmo de pensar no modelo de negócio.

Se a atividade desejada não estiver na lista, será preciso que o empreendedor busque outra formalização, através de uma Sociedade Limitada ou de uma Empresa Individual de Responsabilidade Limitada (Eireli).

Veja a tabela abaixo algumas atividades permitidas para MEI e qual software da IS2 é específico para a atividade:

Atividade MEI Software IS2
COMERCIANTE DE PEÇAS E ACESSÓRIOS NOVOS PARA VEÍCULOS AUTOMOTORES IS2 Automotive / Automotive+
COMERCIANTE DE TINTAS E MATERIAIS PARA PINTURA IS2 Construtive
COMERCIANTE DE PEÇAS E ACESSÓRIOS NOVOS PARA VEÍCULOS AUTOMOTORES
COMÉRCIO VAREJISTA DE COSMÉTICOS, PRODUTOS DE PERFUMARIA E DE HIGIENE PESSOAL
COMÉRCIO VAREJISTA DE PRODUTOS SANEANTES DOMISSANITÁRIOS
COMÉRCIO VAREJISTA DE TECIDOS
COMERCIANTE DE ARTIGOS DE BEBÊ COMERCIANTE DE ARTIGOS DE CAMA, MESA E BANHO
COMERCIANTE DE ARTIGOS DE JOALHERIA
COMERCIANTE DE ARTIGOS DE ÓPTICA
COMERCIANTE DE ARTIGOS DE RELOJOARIA
IS2 Store

Localização da empresa

Cada município do Brasil possui uma lei de zoneamento que separa os bairros da cidade de acordo com as atividades que podem ser realizadas nos locais. Alguns bairros são estritamente residenciais, outros podem conter comércio e os mais afastados são específicos para a indústria.

A atividade que o empreendedor quer realizar precisa ser coerente com o local desejado e isso também deve ser consultado antes do empreendedor se formalizar. Existem diferentes maneiras de verificar um endereço e elas variam em cada cidade. Alguns municípios contam com sistemas online que permitem a verificação, outros têm espaços de atendimento aos empreendedores que facilitam o processo e, na ausência dessas opções, é preciso entrar em contato com a Secretaria de Urbanismo da cidade.

"O empreendedor deve ter certeza do endereço que está consultando. Então, via de regra, é sempre melhor consultar o endereço tendo uma cópia do IPTU em mãos. No caso de aluguel, leve o contrato de locação", diz Ulliana.

Ao mesmo tempo em que consulta o endereço, o empreendedor também precisa verificar quais são as autorizações específicas que seu negócio exige. Dependendo da área, é preciso solicitar autorização dos bombeiros e da vigilância sanitária.

Emissão de nota fiscal de venda de produtos e serviços

O Portal do Empreendedor permite a formalização nas esferas federal e estadual, o que significa que ainda falta a etapa municipal. Portanto, será preciso voltar à prefeitura para fazer o Cadastro de Contribuinte Mobiliário (CCM). Essa inscrição irá permitir que o empreendedor emita nota fiscal para prestação de serviços, pois esse tipo de atividade recolhe impostos para o município.

Cada município tem seu procedimento de cadastro. Algumas cidades oferecem esse serviço pela internet, enquanto outras exigem que o empreendedor se desloque até o prédio da prefeitura.

Para atividades de comércio ou indústria, a emissão de nota fiscal envolve a Secretaria da Fazenda do estado em que o empreendedor estiver. Então, será preciso entrar nos sites dessas entidades para solicitar a permissão.

Direito do MEI

Os impostos pagos pelos empreendedores que optam pelo MEI são cobrados pelas regras do Simples Nacional. Isso significa que tudo é pago de uma vez pela guia mensal DAS (Documento de Arrecadação Simplificada), emitida no Portal do Empreendedor.

O empreendedor que opta pelo MEI paga um imposto fixo de 5% do salário mínimo, para a previdência social dele próprio. O imposto cobrado é relativamente pequeno, afinal, o profissional liberal comum recolhe 20%. É uma política de inclusão que ajuda as pessoas que antes trabalhavam na informalidade e terem direito a auxílio doença, licença-maternidade, pensão por morte, além da própria previdência.

Além dos 5% do salário mínimo, o MEI paga ainda R$ 5 se for prestador de serviços e R$ 1 se for trabalhar com comércio ou indústria.

Fonte

Voltar

Compartilhe esta página nas redes sociais